Criado pela blog da Wiki Education Foundation a partir da imagem de Andre666 , Imagem criada pelo blog da Wiki Education Foundation, derivada de 5NumberFiveInCircle por Andre666 CC Zero [+]

5 razões pelas quais tarefas na Wikipédia podem melhorar habilidades de comunicar ciência

Por Eryk Salvaggio
Tradução de David Alves

A Wikipédia, ame-a ou odeie-a, é uma das fontes de informação de ciência mais vistas na Terra.

A Wikipédia é visitada com mais frequência em dispositivos móveis do que os sites USA Today, Fox News e CNN juntos. Se alunos tivessem a oportunidade de comunicar ciência para qualquer uma dessas audiências, a maioria dos instrutores iria agarrar a chance.

Quando esses instrutores se informam sobre as oportunidades com a Wikipédia, eles a agarram. A Wiki Education Foundation apoiou 116 cursos de ciências (mais de 2.000 estudantes) somente na primavera de 2016. Coletivamente, esses alunos têm adicionado informações a artigos que foram vistos 67 milhões de vezes.

Isso é uma oportunidade incrível para os estudantes.

“Eu esperava que os alunos sentiriam mais motivação para escrever um documento público do que um ensaio que só o professor deles leria”, disse o Dr. Peter Barker, que ensina um curso sobre história da ciência na Universidade de Oklahoma. “Os resultados excederam minhas expectativas. Mais pessoas já leram a produção dos estudantes desse curso do que possivelmente leram meus próprios 40 anos de escrita”.

Imagine dizer aos alunos que eles são responsáveis pelo aprendizado, compreensão e comunicação do conhecimento de ciência para milhares de leitores curiosos de todo o mundo. Mas a tarefa é sobre mais do que o impacto sobre os leitores.

Aqui estão cinco razões pelas quais tantos professores de ciências em nível superior estão trocando trabalhos finais dos estudantes por atribuições escritas na Wikipédia.

1. Os alunos aplicam a sua compreensão a exemplos específicos

A comunicação de ciência pode ajudar os estudantes a aplicar conceitos a casos específicos. Por exemplo, os alunos da professora Joan Strassmann, da Universidade de Washington em St. Louis, estudam insetos sociais. Conforme os estudantes pesquisam o comportamento social, eles criam artigos sobre espécies específicas. Eles vêem o comportamento no contexto. Esses alunos têm contribuído centenas de artigos sobre insetos, abelhas e vespas. Nós vimos outros: artigos sobre as estruturas da superfície de planetas, por exemplo. Atualmente, os estudantes da Universidade de Radford estão fazendo um trabalho similar com insetos. Outros adotaram minerais.

Outras classes mergulham ainda mais fundo, tendo como alvo um aspecto do comportamento ou fisiologia de uma espécie; ou sobre uma única ligação ou família atômica. Tudo isso remete a aprendizagens mais amplas do curso, permitindo aos alunos que escrevam exemplos detalhados. Ao se concentrar em comunicar esse conhecimento com os outros, eles o dominam para si mesmos.

“Artigos sobre arqueologia africana são poucos e distantes entre si na Wikipédia”, disse a Dr. Kate Grillo, cuja classe na Universidade de Wisconsin, La Crosse, é focada na cobertura desses sítios. “E aqueles que existem muitas vezes necessitam de edição substancial. Eu vi uma oportunidade, então, para melhorar o conteúdo da Wikipédia e ensinar meus estudantes um novo conjunto de habilidades.”

Algumas classes estão ajudando a diversificar a ideia do mundo de como parece um cientista. Os professores podem designar aos alunos para escrever sobre cientistas mulheres, cientistas negros, ou outros esquecidos pela história. Temos visto grandes exemplos de cientistas nativo americanos também. Isso ajuda os estudantes a compreender a diversidade que impulsiona o conhecimento científico. Ele também ajuda a trazer mais diversidade à cobertura de cientistas da Wikipédia.

2. Os alunos tornam-se os professores

Os estudantes podem se desafiar para explicar conceitos científicos em palavras que seus pares possam entender. Porções significativas de artigos da Wikipédia contêm jargões que os leitores leigos não entendem facilmente. Ao trabalhar para traduzir esse jargão em informação compreensível, os alunos desenvolvem seu próprio entendimento, e praticam habilidades de comunicação de ciência. Reconhecer as lacunas entre o conhecimento público e o seu próprio é uma valiosa lição para jovens cientistas. Aprender a comunicar através dessas lacunas é essencial.

Sydonie Schimler, um estudante cujo trabalho apareceu na página principal da Wikipédia, nos disse: “Eu tive que realmente pensar sobre o que eu escolhi para incluir no artigo, para que todos pudessem entendê-lo e ganhar algo novo a partir dele. Foi uma boa mudança para escrever algo, tanto mais geral, mas também cientificamente detalhada.”

3. Os alunos contextualizam seu aprendizado

Uma ótima maneira de ensinar comunicação em ciências é proporcionar um contexto em torno de temas de ciência. Isso pode ajudar o público a entender por que um tema é importante. Artigos da Wikipédia, muitas vezes (mas nem sempre) melhoram quando os estudantes pensam além dos conceitos científicos para contextos científicos. Como um aluno escreveu:

“Para escrever um artigo da Wikipédia eficaz, você tem que realmente apreciar o contexto”, disse ele. “Por exemplo, estudantes de química que desejam preparar um artigo completo para a Wikipédia sobre um composto bioinorgânico precisa apreciar o contexto biológico, ambiental e histórico desse composto. Somos forçados a reconhecer aspectos da história que poderíamos ter ignorado de outra maneira.”

Os alunos têm de entender a história por trás de um conceito científico, e explicar como ele mudou. Isso dá aos estudantes uma melhor apreciação do processo científico, e os ajuda a expressar o conhecimento como algo fluído e em constante mudança.

4. O público lê, e escreve, a Wikipédia

Os alunos que editam artigos científicos sobre Wikipédia não estão operando em um vácuo. Leitores da Wikipédia e outros escritores, vão querer ver evidências para o que o estudante contribuiu. Eles podem ter de apresentar argumentos convincentes sobre o que deve ser incluído, de forma que o leitor leigo da Wikipédia possa entender. Normalmente isso significa escolher fontes confiáveis, mas também aprender a defender a sua seleção de informações e como eles a estão apresentando. Essa é uma oportunidade única para alunos praticarem o envolvimento direto com o público sobre ciência. Também pode oferecer uma visão sobre como o público percebe informação de ciência, e os tipos de perguntas não-cientistas podem ter sobre seu campo.

Os estudantes irão aprender a ser mais conscientes de práticas que podem alienar leitores. Artigos da Wikipédia buscam ser livres de jargões e linguagem especializada. Eles incentivam a escrita para maior clareza de modos que a escrita acadêmica não pode.

Dr. Heather Tienson, que usa o exercício em seu curso de bioquímica na Universidade da Califórnia em Los Angeles, descreve-o desta forma: “Eu digo a eles no primeiro dia: para escrever um bom artigo, ele precisa ser um que um aluno do ensino médio possa compreender, mas também um que eu possa obter alguma coisa dele.”

5.Os estudantes desenvolvem habilidades de alfabetização de mídia

Na superfície, a Wikipédia é quase tão fácil como escrever um post para o Facebook. A diferença está no rigor do levantamento de dados para o conteúdo que você compartilha. Isso incentiva os alunos a aplicar uma variedade de habilidades de novas maneiras. Isso significa alfabetização midiática, conforme os estudantes leiam e critiquem não apenas a Wikipédia, mas também as fontes que eles usam para construir um artigo confiável.

Nós incentivamos os alunos a se aproximar da Wikipédia com ceticismo. O que torna um artigo bom, e o que o torna ruim? Uma vez que eles internalizam como ler a Wikipédia, eles podem começar a escrevê-la. Uma vez que eles a escrevem, eles desenvolvem a confiança para expressar o que aprenderam, e para checarem a si mesmos com os mesmos tipos de crítica que se aplicam aos outros. Isso pode transformar o conhecimento de algo aprendido em algo conhecido. É preciso essas competências de literacia de mídia e pede a eles para escrever seguindo essas normas já internalizadas. Essa é uma habilidade essencial para a comunicação científica.

Se você gostaria de explorar o potencial de comunicação de ciência da Wikipédia, gostaríamos de ajudar. Nossa iniciativa do Ano da Ciência ainda está em andamento. Nós já trabalhamos com mais de 4.000 estudantes este ano em todas as disciplinas, e nós esperamos um impacto ainda maior sobre as ciências no outono. Adoraríamos se você se juntasse a nós e oferecesse a seus alunos uma maneira de abrir seus trabalhos e transformá-los em uma experiência prática em melhorar o conhecimento do público sobre ciência.


Texto originalmente publicado no blog da Wiki Education Foundation. Tradução em português publicada no blog Traço de Ciência.

Wiki
<ref "wmbr853">David Alves (29 de agosto de 2016). [http://wp.me/p5zA2r-dL 5 razões pelas quais tarefas na Wikipédia podem melhorar habilidades de comunicar ciência] Wikimedia no Brasil. Visitado em 22 de agosto de 2017 </ref>
ABNT
5 razões pelas quais tarefas na Wikipédia podem melhorar habilidades de comunicar ciência. In: Website Wikimedia no Brasil. São Paulo: Wikimedia no Brasil, 2017. Disponível em: <http://wp.me/p5zA2r-dL>. Acesso em: 22 ago. 2017.

Seu e-mail (obrigatório)

Erro encontrado neste post

  • 5 razões pelas quais tarefas na Wikipédia podem melhorar habilidades de comunicar ciência é um artigo sobre educação, Wiki Education Foundation
  • Por Eryk Salvaggio Tradução de David Alves A Wikipédia, ame-a ou odeie-a, é uma das fontes de informação de ciência mais vistas na Terra. A Wikipédia é visitada com mais frequência em dispositivos móveis do que os sites USA Today, Fox News e CNN juntos. Se alunos tivessem a oportunidade de comunicar ciência para qualquer […]
  • educação, Wiki Education Foundation
  • Projetos
  • Wikimedia no Brasil
  • http://wikimedianobrasil.org/wp/wp-content/uploads/2016/08/5scicomms.jpg